Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2015

Esperando ...

Imagem
Nestes tempos modernos os tradicionais cartões de Natal foram substituídos por mensagens instantâneas e com isso foi perdido todo o trabalho que antecedia tais como: ir até uma pelaria, escolher o melhor para cada pessoa, depois pensar no que vai ser escrito, enfrentar aquelas filas co correio para postá-las,... Marta sentia falta disto, talvez a distraísse, talvez a ansiedade diminuísse, talvez...  Ela aguardou o dia inteiro por algum sinal, uma mensagem banal, mas as horas passaram e nada. Enquanto as pessoas ao seu redor trocavam presentes e felicitações, ela imprimira um sorriso artificial muito distante do espírito de Natal. Os olhos continham toda uma esperança infantil e ao dobrar os sinos da igreja anunciando o nascimento do Menino Jesus acendeu-lhe uma centelha de esperança " O amor, por certo, estaria perto de chegar".

Ao tempo

Imagem
quero que o Tempo seja paciente comigo
não me exija soluções práticas
não me roube o juízo


quero que me acolha
não deixe que sangre o coração
e nesta fase tempestuosa
me conceda a temperança


quero que nenhum sentimento apareça
não encontre o solo fértil da insegurança
que o medo me liberte
que o fluxo siga leve.


quero a paz de espírito
Tempo seja companheiro
que não resida em mim o desespero
quero dormir feito criança


quero viver um dia  por vez
e só.

Em cacos

Deixou o último grão cair
com o dorso da mão esquerda
enxugou a lágrima que escorrera
catou os cacos do coração
ficou em silêncio
mais uma vez
o amor lhe abandonara.

sem camuflagem

Imagem
o silêncio preencheu o vazio
o sentimento ficou esvaziado
a teia da rotina não reteve nada
rompeu-se os dejetos escondidos

no bunker das aparências
a relação se desfez


talvez possa existir um futuro
sem mágoas
mas o tempo que dilui a memória
se incumbirá de iludir o coração

A Escolha

Imagem
A dor não era no corpo. O que lancinava era a alma, pois se perdera do seu par. Foi um pequeno vacilo. Titubeou na bifurcação, escolhera por medo a direita e o outro optou pelo sinistro coração.

a bela da tarde

Imagem
quando dei por mim o dia tinha evaporado a tarde se estendia rósea o suor do corpo denunciava: o amor residiu em mim.

táctil

Imagem
desejo
dedos
aventura corporal

gozo
loucos
viagem surreal

contradições

Imagem
o que nos atrai olhar
remói
o que nos afasta
dói
o que nos permite rejuvenescer
constrói
o que não ousamos dizer
corrói.






Nua

Imagem
dei férias aos problemas sai nua sem pensamentos ruins



privilegiei as oportunidades burlei as dificuldades optei ser livre enfim.


Homem Perfeito

Imagem
perdi a consciência
amnésia da decência
pontos em ebulição

pés, dorsos e peitos
avesso acesso perfeito
intenso, deleite, enlouqueço.






Exploradores

Imagem
percorreu o corpo
hábeis mãos de mestre


beijos leves
deliciosos, vorazes


a cada toque
um desejo
concedido


a cada suspiro
um gemido
contido


aventureiros em perigo
sujeitos ao exílio
movidos
por suas vontades













Sem acordo

Imagem
Acordo sem  acordo sobre as confissões das imperfeições das angústias agruras

toda a química que na pele transpira atiça
faz gozar e  pronto.

o vento me disse

o vento de ontem
me fez lembrar de você
o silvo parecia a sua voz


um leve frescor arrepiou-me
senti suas mãos me tocarem
um pequeno redemoinho apareceu
eu o vi em minha frente
tentei em vão beijá-lo
para o meu desapontamento
só o silêncio a me confrontar
o imenso abismo
que tende nos afastar.

amor clandestino

Imagem
por vezes tomo uma dose de coragem
e neste instante de insanidade


esqueço das barreiras
perco as estribeiras
em pensamento te roubo


sem nenhum remorso
imponho-te meus gostos
gozos, risos e corpo


incontestável leveza
sonhos de um amor
feito de desencontros


imperfeito na essência
clandestino por excelência


desejo-te,
mas não te conto.