PULSANTE


queria partir os laços
lastros invisíveis
insensíveis diante de ti
queria transpor as barreiras
das línguas
das distâncias
das dores
das ânsias
das fronteiras em mim.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Síndrome de pavão

Atados